terça-feira, 16 de setembro de 2014

LE MARS

Confiram a entrevista que fizemos com a banda Le Mars, um Death/Grindcore que irá amedrontar os mais desavisados, puta som, vale a pena conferir, confiram a entrevista que fiz com o Bruno.


Saudações Bruno, muito obrigado por nos ceder essa entrevista ao nosso blog “Questões e Argumentos”, é uma honra entrevista-lo, como está sendo o ano de 2014 para a banda Le Mars, e quais os planos para o futuro?

Bruno: Olá Gaius Cassius. Primeiramente eu que gostaria de agradecer por essa entrevista, sempre bom poder falar um pouco sobre o nosso trabalho, a honra é toda nossa. Creio que 2014 está sendo o nosso melhor ano. Finalmente fechamos uma formação sólida e que está disposta a batalhar e trabalhar para um futuro melhor para o Le Mars.

Como tem sido a repercussão de Inner Me (Enemy) mundo afora?

Bruno: A gente está tendo muita repercussão positiva, principalmente por termos lançado esse EP somente na versão online, muitos zines e revistas no mundo afora ainda torcem o nariz para material que não é entregue no formato físico. Até estávamos conversando com alguns selos para lançar ele, mas creio que já está na hora de fazer coisa nova e deixar o que foi lançado agora apenas como um cartão de visita na internet. Mas futuramente é possível sim que ele seja lançado em Cd com alguns bônus. As reviews foram todas excelentes, ainda mais considerando que é o nosso primeiro material e ainda estávamos procurando uma identidade para o nosso som.

Vocês são de São Paulo-SP, como você vê a cena underground na sua região? Quais bandas destacaria?

Bruno: Aqui tem muita banda boa e que não deve nada para bandas de lugar nenhum do mundo, não só em São Paulo, mas o Brasil inteiro tem bandas que chegam nesse patamar, ainda mais considerando a dificuldade do brasileiro pra comprar equipamento de qualidade e fazer gravações mais profissionais. Difícil citar bandas, sempre esqueço um monte e fico me sentindo mal. hahahaha..

A banda foi formada em 2011, como você vê esses 3 anos de banda? Quais foram os acontecimentos mais significativos?

Bruno: Infelizmente tivemos muitos problemas com formação. Também a ideia antes era de fazer tudo com calma, ensaiar muito, gravar e depois começar a fazer shows. Mas logo de cara já começamos a fazer tudo diferente, muitos shows, depois tivemos problemas com formação antes de gravar o EP e principalmente logo depois. Sei que 2011 e 2012 foram essenciais para a composição das músicas do EP e também para que o pessoal conhecesse o nosso trabalho através dos shows. Mas considero o primeiro semestre de 2013 (quando gravamos o EP) e o ano de 2014 os mais importantes para a banda até agora. Mas muita coisa melhor ainda vêm pela frente.

Quais as principais inspirações para as composições das letras da banda?

Bruno: Batemos sempre de frente com todo tipo de religião ou entidade opressora que é motivada pelo medo e a insegurança do indivíduo. Mostramos o nosso ponto de vista de que a religião não tem nenhum valor e que “deus” é um conceito popular que não foi provado e que vêm destruído culturas, mentes e direitos para o seu próprio lucro.

Le Mars

Quais são suas principais influências musicais?

Bruno: Creio que nós temos um leque de influências muito grande, não tenho muitos preconceitos musicais, pode-se tirar algo de positivo de quase todo tipo de música. O que sinto no nosso trabalho é uma mistura do metal clássico e toda a sua essência com outros estilos que combinados podem soar diferente, não sei se único, mas talvez com identidade própria. Mas, este é só o meu ponto de vista.

Quais os próximos shows da banda? Deixe as datas para nossos leitores.

Bruno: A idéia agora é sempre fazer bastantes shows. Mas o nosso baterista mora no interior, então alguns shows, principalmente os nos dias de semana, ficam mais complicados. Mas ainda temos diversos shows pelo interior, faremos alguns shows com o Magrudergrind em outros estados e estamos tentando conciliar o tempo de todo mundo para irmos pro Norte, Nordeste que sempre foi um sonho pra gente, além de outros países. Temos o apoio da Xaninho Discos que nos ajuda na produção disso tudo, então muita coisa boa ainda está por vir. O melhor é entrar na nossa page no facebook que lá estão todas as datas e em breve serão anunciadas outras.

Quais foram os festivais que mais gostaram de tocar e quais bandas mais gostaram de dividir o palco até o momento?

Bruno: Tivemos sorte de apesar do pouco tempo de banda (devido aos problemas de formação) ter tocado com diversas bandas e em festivais excelentes. Festivais com o More Gore then Before, Rotten Foetus Fest, Prudente Inferno, Gore Supremacy, Dead Shall Rise, De($)Graça, Soco na Fuça, foram ótimos. E sempre é bom estar na estrada com irmãos como o pessoal do Nervo Chaos, MD.K., D.S.T., Manger Cadavre?, Purulento, Hutt, Test, Infamous Glory, Obitto, Summer Saco, NOIA, Desalmado, Subcut... pouts cara, é muita banda da hora.. Sem contar as gringas como Dead Infection, Holocausto Canibal, Stoma, Aberrant, Pulmonary Fibrosis....

Quais bandas nacionais/internacionais você tem ouvido ultimamente?

Bruno: Eu escuto muita banda estranha como Karnivool, Textures, Dead Letter Circus, Tool.. mas o principal sempre vai ser Morbid Angel, Deicide, Krisiun, Cannibal Corpse, Enthroned, Dark Funeral, entre outras mais clássicas que quando eu era muleque moldaram o meu gosto musical e me fizeram ter banda desde os 13 anos. Sobre as nacionais, além de Krisiun que eu já citei, eu gosto muito de acompanhar as bandas dos meus amigos, então todas as que eu citei na resposta anterior com certeza estão na minha playlist.

Onde é possível adquirir material de merchandise da banda? Cd’s, camisetas, etc..?

Bruno: É só entrar em contato com a gente pela nossa fanpage no www.facebook/lemarsofficial ou no email lemarsgrind@gmail.com

 Bruno Dias

Quais as expectativas da banda para tocar no Chile?

Bruno: Estamos bem ansiosos para esses shows. Já era pra gente ter tocado lá acho que em 2012, mas não rolou. Agora temos um pessoal muito profí lá agendando e cuidando de tudo, além do show com o Magrudergrind em Santiago que promete ser foda. Quero até desde já agradecer a Xaninho Discos, a Josi Clair, e o Juan por toda a correria. Vamos fazer alguns vídeos com tudo sobre a tour, então todo mundo vai saber o que aconteceu por lá.

Bruno, muito obrigado pela entrevista, deixe suas considerações finais e um recado para os fãs da banda e leitores do blog, deixe seus contatos.

Bruno: Gostaria de te agradecer pela oportunidade de falarmos um pouco sobre o Le Mars, quero dizer um muito obrigado para todo mundo que nos acompanha, com certeza é uma honra poder apresentar o nosso som pra vcs. Curtam a nossa página no facebook para saber de todas as novidades que com certeza daqui pra frente serão muitas. Tem clipe novo, podcast, shows, merch e gravações novas prontas para serem anunciadas, Obrigado Gaius e parabéns pelo ótimo trabalho. HAIL!


Confira também:

http://questoeseargumentos.blogspot.com.br/2014/10/ocultan.html
 Entrevista Ocultan

http://questoeseargumentos.blogspot.com.br/2014/09/entrevista-apokalyptic-raids.html
 Entrevista Apokalyptic Raids

http://questoeseargumentos.blogspot.com.br/2014/09/entrevista-cauterization.html
 Entrevista Cauterization





http://hotmart.net.br/show.html?a=J2273156I&ap=2687
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários que conterem publicidade e divulgação de site ou algo malicioso, ambas serão moderadas!!